PERSEGUIDOS PELO EVANGELHO

2 Tm 3,12 – E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições.

A perseguição é um vocábulo comum para todo cristão e isso, não se restringe unicamente a fé católica, na qual professamos. Na verdade, o conceito “perseguição” desde o início do cristianismo, deixou de ser uma forma de opressão para aqueles que seguiam a Cristo e sim, um motivo de honra e alegria, afinal, os próprios evangelistas registraram as palavras do Cristo onde ELE disse que pelo seu santo nome receberíamos injúrias:

Mt 24,9 – Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do MEU nome.

Em 2000 anos de história cristã, foram muitos os que morreram por amor ao evangelho de Nosso Senhor, sendo que nos primeiros anos da era cristã, o número de pessoas que sofreram martírio pela fé aumentou copiosamente e em contra partida, enquanto cristãos desapareciam, outros ressurgiam como o orvalho na manhã. Tertuliano em um de seus escritos disse que “o sangue dos mártires era a semente de novos cristãos”.

Embora muitos anos se passaram, os cristãos não deixaram de ser perseguidos, a diferença, é que essa forma de opressão tem “mudado” de acordo com os anos. Enquanto alguns países ainda sofrem com Igrejas derrubadas, destruídas e pessoas assassinadas, outros países têm proporcionado aos cristãos o gosto da perseguição moral e nos últimos tempos, essa modalidade tem crescido com total força, uma vez que a liberdade de expressão alheia tem sido altamente valorizada e o pensamento cristão, descartado.

De qualquer forma, a primeira coisa que devemos pensar é: em que local estamos inseridos e qual o motivo para esse grande empurrão em pró da libertinagem? Pois bem, a sociedade tem passado por uma grande formulação do pensamento relativista onde “tudo pode” e “nada se deve”.  Na verdade, tudo se pode, contanto que a religião não atrapalhe, contanto que o cristianismo fique calado e possa ser reprimido.

É isso que a sociedade passa e é isso que nos obrigam a acreditar. Enquanto a maioria dos antirreligiosos bradam com total furor sua liberdade de pensamento, nós cristãos, não temos o direito de manifestar aquilo que pensamos e cremos, alias, até temos, porém, sofremos as mais variadas represálias.

Ao longo dos séculos a perseguição aos seguidores de Jesus tem se moldado as épocas, as grandes novidades e ao fanatismo anticristão que tanto domina o mundo e embora esse domínio seja antigo, em um passado distante tirava muitas vidas, hoje, procura “tentar” tirar-nos o orgulho.

Entretanto, sabemos que isso é impossível.

Nosso Senhor, frente a Pilatos disse que “Seu reino não é deste mundo (Jo 18,36)” e é isso que cremos. O apóstolo Paulo sabiamente já dizia que:

2 Cor 4,4 – Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.

Não querermos e nem devemos nos conformar com o “deus deste século”, mas infelizmente, sabemos que o adversário tem trabalhado arduamente para que a luz de Cristo seja apagada, entretanto, nós sabemos que o Reino do Senhor está por vir e muitos do que hoje blasfemam de suas santas palavras, terão conhecimento daquele que “É” e para sempre será! O Alfa e Ômega!

Rezemos para que todos tenham a chance de conhecer a plenitude da Salvação que é Cristo e que de perseguidores, passem a ser perseguidos para que assim, desfrutem de seus benefícios na Jerusalém celeste e assim possamos “naquele dia”, ressuscitar para a glória e não para a perdição:

Ap 9,6 – E naqueles dias os homens buscarão a morte, e não a acharão; e desejarão morrer, e a morte fugirá deles.

Escrito por: Érick Augusto Gomes



Categorias:Reflexões

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: