LEITOR PERGUNTA: Lc 9,49-59 – JUSTIFICA O PROTESTANTISMO?

Nome: Décio
Data: 10 de janeiro de 2018
Horário: 09:34
Site 

Pergunta: Gostaria de saber se este texto justifica o protestantismo: “João tomou a palavra: Mestre, vimos um homem que expelia demônios em teu nome, e nós lho proibimos, porque não é dos nossos”. São Lucas 9,49 – Bíblica Católica Online

RESPOSTA

Décio, pax!

Salve Maria!

Este verso é um tanto emblemático por conta da continuidade: “Não o proibais. Quem não é contra nós, é ao nosso favor” (verso 50).

Muitos usam-o para justificar o ecumenismo. Não podemos desconsiderar a devoção sincera que há no coração de muitos protestantes. Embora esse verso possa significar um princípio de unidade no “mesmo ideal“, sabemos que não pode ser analisado isoladamente.

Nosso Senhor afirma que a sua Igreja seria fundada sobre São Pedro (Mt 16,18). São Paulo afirma que há uma “única fé, um único Senhor e um único batismo” (Ef 4,5) assim como há uma única Igreja que é “Coluna e Sustento de Verdade” (1 Tm 3,15). O mesmo apóstolo pede a “unidade de doutrina e que não haja divisões” (1 Cor 1,10).

Em tempo difíceis como os nossos onde há uma onda de ideologias (aborto, gênero, vilipêndio de coisas sagradas) maléficas, se faz necessário o estreitamento das relações com membros de outras denominações a fim de defender a família e o cristianismo, porém, jamais devemos esquecer que só existe uma única Igreja Católica na qual nós, fazemos parte. Somente a nossa fé é celebrada em todo mundo (Rm 1,8).

Onde está Cristo Jesus, está a Igreja Católica” (Santo Inácio {107 d.c.}; Aos Esmirniotas 8,2).

Érick Augusto Gomes



Categorias:Espaço do Leitor

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: