Leitor Pergunta: Intercessão dos Santos não é falar com mortos?

PERGUNTA ENVIADA POR UM LEITOR

“Olá, a Paz do Senhor. Tenho uma dúvida, pedir a intercessão dos santos não é uma forma de comunicação com os mortos?”

RESPOSTA DO APOSTOLADO ACCATÓLICA

Cristo entre nós!

Não, meu irmão.

Nós não pedimos que um “santo(a)” fale conosco ou que venha nos visitar para estabelecer uma comunicação entre “vivos e mortos”. Não cremos que os santos “baixem” em alguma pessoa para comunicar verdades desconhecidas ou falar sobre o passado e futuro. Durante nossos ofícios litúrgicos, não temos alguma “sessão” onde os mortos se comunicam conosco.

Isso tudo que afirmei acima é errado e condenado veementemente pela Igreja Católica. Necromância é pecado, tentar alguma comunicação com os que adormeceram é uma falha gravíssima.

Não cremos nisso.

Mas, e os santos?

Os santos fazem parte da Igreja. Mesmo “mortos”, continuam vivos em Cristo (cf. Mt 22,32 e Rm 8,38) e já desfrutam da visão beatífica de Deus, logo, compartilham dos seus bens e por isso, podem ouvir as nossas orações e ajudar-nos com a sua intercessão.

Observe que o escritor de Hebreus, afirma que temos ao nosso redor uma “nuvem de testemunhas que nos acompanha” (Hb 12,1). Essa nuvem é repleta dos santos de Deus. É por isso que em Ap 5,8; Ap 6,9-10 e Ap 8,3, vemos os santos rezando pela Igreja.

Essa é a doutrina da Igreja. Rezamos no credo que “cremos na comunhão dos santos”. Essa comunhão, com os que ainda militam nessa terra, se faz presente pela vivência em Igreja, partilha, caridade, comunhão eucarística e etc. Com aqueles que já vivem em Deus (cf. Sl 39,9), nossa forma de união é através da oração e é isso que fazemos.

Rezamos por aqueles que ainda estão aqui, por aqueles que partiram e pedimos a solicitude daqueles que já alcançaram a vitória junto do Cristo, único mediador de toda a raça humana.  

Fique com Deus.

Érick

IC XC NIKA



Categorias:Espaço do Leitor, Santos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: